top of page
  • UNAS Heliópolis

Presidenta da UNAS, Cleide Alves é convidada a integrar o "Conselhão"

Conselho de Desenvolvimento Econômico, Social e Sustentável é retomado. Importante instrumento de participação da sociedade civil, empresariado e movimentos sociais, o "conselhão" volta as atividades com número recorde de mulheres.

 

O Conselho de Desenvolvimento Econômico, Social e Sustentável, conhecido como Conselhão, retoma suas atividades na semana que vem e será composto por representantes de diversas áreas como Educação, Saúde, Inovação, Economia, Meio Ambiente dentre outros. Os conselheiros prestam uma espécie de assessoria diretamente ao Presidente da República. E é com muita honra que a nossa Presidenta, Antonia Cleide Alves foi convidada para integrar o grupo.


O Conselhão foi criado em 2003 por Lula e foi extinto no Governo de Jair Bolsonaro. O grupo foi então recriado este ano com uma forte representatividade de Mulheres que compõem hoje cerca de 40% dos 150 integrantes que se reunirão na semana que vem, o conselho será presidido pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva e terá a participação de ministros como Rui Costa e Alexandre Padilha. Cleide Alves e todas e todos da UNAS ficaram muito felizes com o convite e agradecidos da oportunidade de poder estar ocupando um espaço tão importante de participação da sociedade, é a chance de voltar a sonhar, “É o meu nome que está lá, mas é a favela que está lá comigo, sou uma mulher nordestina, pobre, que precisou vir para São Paulo para fugir da fome. Precisei de uma política social para ter uma formação, então é uma honra muita grande e espero construímos e aprendermos muito e juntos e juntas” completou a Presidenta da UNAS.

A participação de Cleide Alves, é na verdade um espelho das necessidades dos moradores da maior Favela de São Paulo e sua região, suas falas e lutas vão sempre de encontro com as necessidades de quem mais precisa, “Pra gente é muito importante, cheguei na favela com sete anos de idade, então hoje ocupar esse espaço é muito importante. Precisamos de políticas públicas e queremos que elas funcionem como uma ferramenta de sobrevivência, mas também de mudança social, que a gente possa conseguir estudar, ter lugar de fala, que possamos pensar nas necessidades e também nas soluções” disse Cleide sobre a oportunidade. O convite feito pelo Ministro Alexandre Padilha foi aceito com muita alegria e felicidade e os trabalhos já devem ter inicio nos próximos dias em Brasília.


Cleide é moradora de Heliópolis desde 1971, faz parte das primeiras famílias que chegaram na comunidade. Militante dos direitos humanos, desde os 17 anos atua na luta por melhores condições de vida aos moradores da maior favela de São Paulo. Formada em Psicologia é atualmente Presidenta da UNAS, organização que atua há 45 anos na comunidade desenvolvendo projetos sociais que impactam a vida de milhares de pessoas nas áreas de: educação, assistência social, cultura, esporte, geração de renda, moradia, mulheres, LGBTQIAP+ e juventude. “Acredito que fomos vistos pela nossa ousadia, o jeito que enfrentamos a fome, pela educação transformadora que criamos aqui, o bairro educador. Acho que humildemente foi isso, temos essa vontade de ter um país melhor, que caiba todo mundo com direitos iguais” ressaltou ela sobre a importância de ocupar este lugar.


Estar entre esses conselheiros é uma felicidade mas não deixa de ser um desafio, levantar as pautas e necessidades dessa população é sempre uma questão delicada, mas estaremos bem representados, Cleide tem uma história de luta muito forte em Heliópolis e região e não será diferente em Brasília, vamos com tudo, o desafio já foi aceito agora é mostrar para que viemos.

Em entrevista realizada em 2012, Cleide conta sobre sua chegada e trajetória em Heliópolis


416 visualizações

1 Comment


mariana silva
mariana silva
Mar 28, 2023

Quanto orgulho de ver a senhora lá nos representando. Estaremos muita bem representadas...

Like
Posts Recentes
Arquivo
bottom of page