10 mil pessoas saem às ruas de Heliópolis na 20ª Caminhada pela Paz

Nesta quinta-feira (7) cerca de 10 mil pessoas saíram as ruas de Heliópolis na 20ª Caminhada pela Paz, o evento percorreu as ruas da comunidade, onde crianças, jovens, adultos e idosos levantaram cartazes e bandeiras reivindicando a garantia de direitos e a efetivação de políticas públicas. Durante a caminhada diversos projetos sociais e escolas da região apresentaram seus trabalhos sob o tema: "Políticas Públicas + Consciência Comunitária = Sociedade Educadora”.


A exemplo disso o CCA Parceiros da Criança um projeto social da UNAS – União de Núcleos, Associações dos Moradores de Heliópolis e Região, estampava em sua bandeira a frase “De Leonarda à Marielle, ninguém irá nos calar”, denunciando a brutal violência contra as mulheres e o genocídio dos jovens moradores de favelas no Brasil. Já os alunos da EMEF Campos Salles foram as ruas com diversos girassóis que simbolizam o “Sol da Paz” em Heliópolis.

"Embora a gente saiba que o nosso trabalho é 'de formiguinha', um trabalho de convencimento, é essencial e importantíssimo, pois sem ele é barbárie completa mesmo. A gente acredita que é função da educação travar um embate direto para desconstruir o discurso de que a violência é algo natural, porque não é natural", afirma Marília de Santis, gestora do CEU Heliópolis.


A Caminhada pela Paz de Heliópolis trata-se do ponto alto de um trabalho contínuo realizado por projetos sociais e escolas da região, onde os educandos refletem sobre temas relacionados à cultura de paz, cidadania e o cotidiano da comunidade.


“A paz parte do trabalho realizado com as crianças, a paz é como uma semente e deve ser regada diariamente dentro dos projetos e equipamentos educacionais, os temas que essa criançada estão levando para as ruas hoje, me enchem de esperança em um país melhor", ressalta Antonia Cleide Alves – Presidente da UNAS.

Histórico da Caminhada pela Paz em Heliópolis

A Caminhada Pela Paz de Heliópolis surgiu em 1999, quando uma aluna da EMEF Campos Salles foi assassinada no caminho de volta para sua casa. Leonarda tinha 15 anos e se tornou símbolo da luta contra a violência que vitimava muitos jovens na comunidade. O então diretor da escola, Braz Rodrigues Nogueira, buscou lideranças comunitárias, como João Miranda, na época Presidente da UNAS, para realizarem a 1º Caminhada Pela PAZ de Heliópolis, naquele mesmo ano.

Manifesto da 20ª Caminhada pela Paz de Heliópolis

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo

Ligue:

(11)2272-0140

(11)2272-0148

Endereço: 

Rua da Mina Central, nº 38

CEP:04235460 -  Heliópolis SP 

DOE AGORA

Siga a gente 

© 2020 - UNAS Heliópolis e Região

Todos os Direitos Reservados