Ligue:

(11)2272-0140

(11)2272-0148

Endereço: 

Rua da Mina Central, nº38

CEP:04235460 -  Heliópolis SP 

DOE AGORA

Siga a gente 

© 2019 - UNAS Heliópolis e Região

Todos os Direitos Reservados 

V SEMINÁRIO DA EDUCAÇÃO HELIÓPOLIS BAIRRO EDUCADOR

September 15, 2015

A história mostra que Heliópolis vem desenvolvendo uma trajetória exemplar de organização social, na qual a mobilização promovida pelas organizações comunitárias locais se junta aos projetos de intervenção urbana, cultural e educacional do poder público. Foi dessa forma que transitou de uma condição urbana que a caracterizava como favela, e cujos esforços principais se dirigem às demandas por habitação, regularização de terras e serviços sociais básicos, a uma distinta condição que consistiu na construção de um “Bairro Educador”.

Nesse processo – mais de conquistas e parcerias que favores governamentais -, Heliópolis foi constituindo novas referências simbólicas e práticas de atuação para a comunidade local, inovadoras formas de ação e relacionamento políticos, inéditas propostas de reforma urbana e, ainda mais importante, uma visão mais integrada, positiva e dignificadora das dimensões pedagógicas da cultura e da educação.

É nesta perspectiva o Seminário da Educação vem sendo consolidado. Acreditamos que a transformação de Heliópolis e região em um Bairro Educador exige a criação de práticas educativas centradas na valorização do ser humano e na construção, vivência e disseminação de novos valores que tragam a possibilidade real de uma sociedade mais justa, igualitária e humana.

PROGRAMAÇÃO:

19 de setembro de 2015

Virada da Educação

Exibição do Filme “Territórios do Brincar” às 9:00hs

Exposição – “Escola e Prisão” do Coletivo Reconsidere de Niterói – RJ

Local: CEU Heliópolis Prof. Arlete Persoli

 

24 de setembro de 2015

Mesa de Abertura

Abertura do Seminário da Educação às 19:00hs

Local: CEU Heliópolis Prof. Arlete Persoli - Torre da Cidadania

25 de setembro de 2015 – 9:00hs às 12:00hs

Mesas de Debate

 

MESA 1: Gênero e Diversidade na Educação

Link para inscrição:

https://docs.google.com/…/13OP0LWd3vkvmJT0KiHcpzD9…/viewform

A história de Heliópolis não pode ser contada sem fazer referência ao Movimento de Mulheres da UNAS, que teve início com o Grupo de Mães e hoje segue lutando pela garantia de direitos e pela igualdade de oportunidades para homens e mulheres. A necessidade da luta feminista se pauta numa desigualdade histórica, que passa a ser estudada através do conceito de gênero. Hoje falamos sobre relações de gênero, identidade de gênero, sexualidade e, finalmente, diversidade. Inicialmente, a luta pela defesa de seus espaços de moradia era urgente e central para o Movimento de Mulheres, hoje, junto ao movimento de construção de um “Bairro Educador”, se considera que através da educação é possível a efetivação e consolidação dos direitos humanos. Nesse sentido, a mesa pretende abordar os seguintes aspectos:

- Qual o significado e história do conceito de gênero? Como surgem as concepções sobre diversidade? O que elas trazem de novo?

- Como qualificar a discussão de “gênero” e “sexualidade” na educação?

- Incluir no currículo pautas como gênero e diversidade garante transformação social?

Com:

Denise Mota Dau - (Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres)

Claudia Vianna - (Livre Docente da FE-USP)

Mediação: Lídia Tavares - (Coordenadora do grupo de Mulheres de Heliópolis)

 

MESA 2: Do Bairro à Pátria Educadora: A articulação da Educação Integral em um território

Link para a inscrição:

https://docs.google.com/…/1k6kn3k22ji_ghUaZmfLhsL5…/viewform

A trajetória dos movimentos sociais e sua parceria com a escola em Heliópolis culminou em um movimento que busca transformar esta comunidade em um Bairro Educador. Este movimento se junta a outros na cidade de São Paulo e no país que buscam articular diversos atores em torno de uma proposta de educação pautada pelo desenvolvimento integral individual e comunitário na perspectiva dos direitos humanos. Nesse sentido, nessa mesa pretende-se debater acerca de diversas questões:

- Como as políticas de Educação Integral vêm sendo articuladas na cidade de São Paulo e no Brasil? Quais são os programas existentes e suas políticas de financiamento? E como se dá a relação entre o município e a federação tanto nas perspectivas da gestão, quanto da articulação territorial?

- Como a Educação Integral – enquanto projeto de sociedade progressista – se contrapõe às propostas construídas através de uma perspectiva neoliberal?

- Quais são as experiências exitosas de articulação nos territórios?

Com:

Maria Cecília Carlini (Coordenadora de Programas Especiais e CEUs da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo)

Natasha Costa – Cidade Escola Aprendiz

Mediação: Marilia de Santis (Gestora do CEU heliópolis Profª Arlete Persoli)

MESA 3: A garantia de direitos fundamentais e a articulação entre a Saúde, a Educação e a Assistência Social

Link para a inscrição:

https://docs.google.com/…/1MiKFe0xPZCFPe86sTZHvDl6…/viewform

Segundo dados da Secretaria Municipal de Educação da cidade de São Paulo, 50% dos estudantes encaminhados para avaliação de hipótese de deficiência apresentam, entre outras questões, um quadro de vulnerabilidade social.

Na perspectiva dos princípios que buscam transformar Heliópolis e Região em um Bairro Educador, compreende-se a educação como um processo permanente e complexo, que envolve múltiplas dimensões, tais como aspectos culturais, socioeconômicos e político-filosóficos. Nesse sentido, tanto o acesso à saúde, à moradia digna, dentre outros direitos fundamentais, quanto a instauração da educação como uma maneira de articulação e mobilização são importantes para reverter as condições que criam situações de vulnerabilidade social. Assim, pretende-se, nessa mesa, discutir:

- Como a Rede de Proteção Social pode ser efetivada e fortalecida a favor de um acompanhamento intersecretarial de qualidade e com fins emancipadores?

Com:

Adriana Marcondes Machada - (Docente do Instituto de Psicologia da USP)

Elie Ghanem - (Docente da Faculdade de Educação da USP) 

Mediação: Marcel Cervantes (Gestor do Núcleo de Proteção Jurídica – NPJ)

MESA 4: A Democratização dos Meios de Comunicação como Estratégia para o Desenvolvimento Social

Link para inscrição:

https://docs.google.com/…/1pGyAtGA2qAeWWpsgDbka7Zu…/viewform

A comunicação é campo de disputa ideológica e simbólica entre o poder dominante e os grupos sociais marginalizados e, nesse sentido, é estratégica para garantir o direito à cidadania no âmbito dos movimentos sociais e culturais. Em Heliópolis, a Rádio Comunitária, por exemplo, vem sendo instrumento de luta e mobilização há anos, apesar de só ter sido regularizada nos anos 2000. Assim, essa mesa se propõe a discutir as seguintes questões:

- Como democratizar o acesso à informação, concebendo a comunicação como um direito do cidadão?

- Quais as possibilidades de garantir a participação popular nos meios de comunicação? - Quais são as práticas que fomentam a produção democrática da informação?

Com:

Ana Luisa Zanotini Gomes - (Jornalista,pesquisadora e diretora da Oboré)

Luiz Parise - (Jornalista, Roterista e Diretor de Jornalismo da TVT)

Mediação: Genário (Coordenador de Projetos Culturais – CEU Heliópolis Prof. Arlete Persoli)

 

MESA 5: Movimentos Sociais, Participação Comunitária e Democracia

Link para a inscrição:

https://docs.google.com/…/1pzbK4pZHjJZGloegp2nXqSY…/viewform

            É impossível pensar a educação em Heliópolis sem refletir sobre a atuação histórica dos movimentos sociais locais na constituição da comunidade. É notória a importância da participação popular nas decisões, desafios e potencialidades do bairro; assim como a prática democrática que rege e mobiliza os moradores nas tomadas de decisões. Estes processos resultaram em um movimento articulador que busca transformar Heliópolis e Região em um Bairro Educador.

            Atualmente, vivemos um acirramento das disputas políticas no país, esta conjuntura exige um reposicionamento da esquerda, tanto em relação às conquistas históricas já consolidadas, quanto aos desafios que demandam novos avanços. Assim, nesta mesa pretende-se abordar as seguintes questões:

- Quais foram as conquistas históricas dos movimentos sociais em Heliópolis e no Brasil?

- Como preservamos e disseminamos a memória dos movimentos sociais?

- Qual a colaboração dos movimentos sociais frente à emancipação social?

- Qual a contribuição dos movimentos sociais em relação ao enfrentamento dos problemas da cidade?

- Qual o papel dos equipamentos públicos na mediação entre sociedade civil e governos? Qual o papel dos movimentos sociais nessa negociação? E quais são as formas de consolidação de uma gestão democrática efetiva nesses espaços?

Com:

Silvio Caccia Bava - (Sociologo e Diretor do Instituto Pólis)

Jorge Romano - (Antropologo e Coordenador executivo da ActionAid Brasil)

João Bosco - (Liderança Comunitário e membro da Diretoria Executiva da UNAS)

Mediação: Antonia Cleide Alves - (Presidente da União de Núcleos, Associações do Moradores de Heliópolis e Região - UNAS)

 

MESA 6: Maneiras Formais e Não Formais de Resolução de Conflitos

Link para a inscrição:

https://docs.google.com/…/15D5R0AFX7gGhc0BCAbBlWmz…/viewform

            Heliópolis, até pouco tempo atrás, era retratado como um território de extrema violência, que, segundo a nossa leitura, é fruto de sérias violações de direitos básicos. Essa conjuntura, no entanto, já sofreu mudanças através da aliança entre a sociedade organizada e a escola. Aos poucos, desenvolveram diversos instrumentos locais inovadores de resolução de conflitos e de articulação pela garantia de direitos, com o intuito de transformar as relações no âmbito interpessoal, promovendo o desenvolvimento da comunidade. Em uma conjuntura onde se observa um retrocesso em relação a algumas das principais conquistas sociais, como o Estatuto da Criança e do Adolescente e os direitos trabalhistas, por exemplo, a trajetória de Heliópolis é exemplar no sentido da construção de práticas de empoderamento social para que os sujeitos se tornem autônomos, solidários e responsáveis pela resolução dos problemas que os circundam.

            Diante disso, nesta mesa pretende-se discutir:

- Quais as práticas dialógicas efetivas que garantem a resolução de conflitos que se apresentam nos espaços públicos?

- Quais as políticas públicas que estão sendo construídas nesse sentido?

- Como enfrentar as questões relacionadas à segurança aliadas à diminuição da violação de direitos?

Com:

Braz Nogueira - (Diretor Regional de Educação do Ipiranga e Liderança Comunitária de Heliópolis, onde atual como Diretor da EMEF Campos Salles por 20 anos)

Dr. Ariel de Castro Alves - (Advogado especialista em gestão de politicas publicas e integrante do CONDECA)

Mediação: Edmundo (Coordenador de Projetos – CEU Heliópolis Prof. Arlete Persoli)

 

MESA 7: Participação da juventude nas transformações sociais e na construção de políticas públicas

Link para a inscrição:

https://docs.google.com/…/1863_R3yetPV8Hl8ktjTMEY3…/viewform

            A juventude teve um papel fundamental nas transformações sociais ocorridas no século XX. De diversas formas e a partir da defesa de diferentes visões de mundo (às vezes até opostas!), os jovens vêm buscando espaços de reivindicação não só nas ruas, mas também em outras instâncias de diálogo e decisão políticas. Dessa forma, pretendemos discutir:

- Qual o papel dos Conselhos da Juventude na elaboração de políticas públicas?

- Como os jovens de Heliópolis e Região vêm se organizando e contribuindo para o desenvolvimento comunitário?

- Qual o papel da juventude, ao longo da história, nas lutas sociais?

- O que significa ser um jovem militante?

Com:

Claudinho Silva - (Coordenador de Políticas para a Juventude da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania de São Paulo).

André Gravata - (Jornalista e membro do Movimento Entusiasmo)

Hugo Fanton - ( Militante de Movimentos Sociais no Estado de São Paulo) 

Mediação: Nínive Loriane Ferreira (Representante do Grupo de Jovens da UNAS)

 

25 de setembro de 2015 – 14:00hs às 17:00hs

Grupos de Discussão

 

Link para inscrição nos Grupos de Discussão:

https://docs.google.com/…/1HdpC3vakuxB1W-npE-trU1I…/viewform

GD 1: Por que incluir as questões de gênero e diversidade no Plano Municipal da Educação?

GD 2: Entre o cuidar e o educar: qual o papel político das mulheres na educação de crianças?

GD 3: O Bairro Educador de Heliópolis e região: qual proposta de Educação Integral estamos construindo?

GD 4: Qual a importância dos CEUs enquanto política pública de Educação Integral da cidade de São Paulo?

GD 5: Protagonismo comunitário em Heliópolis: quais as conquistas e desafios dos movimentos sociais na atualidade?

GD 6: Da palmada à redução da maioridade penal: violência é falta de limite?

GD 7: Rede de Proteção Social: como se dá a interação entre os serviços, projetos, fluxos de encaminhamento, fóruns e reuniões de rede existentes em Heliópolis e região?

GD 8: O que as famílias esperam da escola e o que a escola espera das famílias?

GD 9: Juventude, Mercado de Trabalho e Vestibular: que currículo queremos para o Ensino Médio?

GD 10: Como a educação pode liderar um processo de cuidado e desenvolvimento pessoal e comunitário?

GD 11: Como estudantes e educadores podem se tornar aliados na luta pela melhoria da educação?

GD 12: Qual o papel dos movimentos culturais periféricos na cidade de São Paulo?

GD 13: Vozes dissonantes: quais são as alternativas às grandes mídias?

GD 14: 25 anos do ECA: avanços e desafios

 

 

Please reload

Posts Em Destaque

A UNAS é eleita a melhor ONG do Brasil na categoria Desenvolvimento Local

August 8, 2017

1/1
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo